Photos

Photographer's Note

The Dove River is a river in Brazil, which bathes the states of Minas Gerais and Rio de Janeiro. It is one of the main tributaries of the left bank of the river Paraíba do Sul also names the city of Pigeon River, where it is banned sand mining by decree approved by the municipal council.

Born in the city of Barbacena, Minas Gerais, through the Zona da Mata Mineira and flows into the Paraiba do Sul River between the towns of Cambuci and Itaocara, Rio de Janeiro. Its main tributaries are the rivers or New Piau, Xopotó, Pardo and Formoso. The largest cities located along its banks are Cataguases in Minas Gerais and St. Anthony of Padua and Aperibé in Rio de Janeiro. [1]

The lands of the Dove River basin are severely deforested, a process begun during the coffee cycle across the forest zone and did not spare even the regions of the headwaters of the river. This is a factor that contributes to the degradation of the river, already battered by the release of industrial and domestic effluents. In 2003 a serious spill of more than 1 billion gallons of toxic waste in an industry Cataguases caused massive environmental damage, and the reflections detected in the Paraíba do Sul river to its mouth in the Atlantic Ocean in the state of Rio de Janeiro.


O rio Pomba é um rio brasileiro, que banha os estados de Minas Gerais e do Rio de Janeiro. É um dos principais afluentes da margem esquerda do rio Paraíba do Sul. Também dá nome à cidade de Rio Pomba, onde é proibida a extração de areia por decreto aprovado pela câmara municipal.

Nasce no município de Barbacena, Minas Gerais, atravessa a Zona da Mata Mineira e deságua no rio Paraíba do Sul entre os municípios de Cambuci e Itaocara, Rio de Janeiro. Seus principais afluentes são os rios Novo ou Piau, Xopotó, Pardo e Formoso. As maiores cidades localizadas às suas margens são Cataguases em Minas Gerais e Santo Antônio de Pádua e Aperibé no Rio de Janeiro.[1]

As terras da bacia do rio Pomba encontram-se severamente desmatadas, num processo iniciado durante o ciclo do café em toda a Zona da Mata e que não poupou nem mesmo as regiões das nascentes do rio. Trata-se de um fator que contribui para a degradação do rio, já castigado pelo lançamento de efluentes industriais e domésticos. Em 2003 um grave derramamento de mais de 1 bilhão de litros de resíduos tóxicos de uma indústria em Cataguases causou enormes prejuízos ambientais, sendo os reflexos detectados no rio Paraíba do Sul até sua foz no oceano Atlântico no estado do Rio de Janeiro

Nobody trouve(nt) cette note utile

Photo Information
  • Copyright: jadir borges (jadir) Silver Star Critiquer/Gold Note Writer [C: 28 W: 0 N: 75] (355)
  • Genre: Lieux
  • Medium: Couleur
  • Date Taken: 2013-01-21
  • Categories: Moment décisif
  • Exposition: f/3.4, 1/500 secondes
  • More Photo Info: view
  • Versions: version originale
  • Date Submitted: 2013-03-03 11:05
Viewed: 1479
Points: 0
Discussions
  • None
Additional Photos by jadir borges (jadir) Silver Star Critiquer/Gold Note Writer [C: 28 W: 0 N: 75] (355)
View More Pictures
explore TREKEARTH